Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Cursos > Engenharia Agronômica
Início do conteúdo da página

Engenharia Agronômica

Publicado: Quarta, 08 de Agosto de 2018, 14h06 | Última atualização em Terça, 30 de Abril de 2019, 18h38
 
Curso: Bacharelado em Engenharia Agronômica
Título/Habilitação: Bacharel em Engenharia Agronômica
Duração do curso: 4 anos e meio
Turno: Integral
Horário das aulas: Das 7h às 12h e das 13h às 18h
Dias semanais de aula:
De segunda-feira a sexta-feira
Público-alvo: Concluintes do ensino médio
Total de vagas ofertada por ano: 40 vagas

 

Apresentação do curso

A formação do Engenheiro Agrônomo no IFSULDEMINAS - Campus Muzambinho é realizada em curso de graduação com duração de nove períodos. A matriz curricular estabelecida tem por finalidade formar profissionais generalistas, com uma formação que implica na aquisição de conhecimentos, competências e habilidades, necessárias a continuidade da aprendizagem por toda a vida desses profissionais. Levando-se em conta a legislação profissional vigente, as diretrizes curriculares e o perfil esperado para o profissional formado em Engenharia Agronômica pelo campus Muzambinho, o curso oferece conteúdos nas diversas áreas de conhecimento da Agronomia e conteúdos básicos que englobarão os conhecimentos agronômicos e das áreas de ciências exatas, da terra e humanas. Adicionalmente são oferecidas disciplinas optativas, além de atividades como estágio, monitoria, iniciação científica e atividades de extensão.

 

Coordenação do Curso

Jose sergio
Coordenador:
José Sérgio de Araújo
E-mail:
jose.araujo@muz.ifsuldeminas.edu.br

 

Perfil Profissional

Os egressos do curso superior de Engenharia Agronômica do IFSULDEMINAS – Campus Muzambinho, em consonância com a Lei n° 5.194, de 24 de dezembro de 1966, complementada pela Resolução Nº 1.010 do CONFEA, de 22 de agosto de 2005 e a Resolução do CNE Nº 1 de 2 de fevereiro de 2006, que regulamentam a profissão do Engenheiro Agrônomo e definem as Diretrizes Curriculares; apresentam o seguinte perfil profissional:
- Capacidade de realizar análise científica, de identificar e resolver problemas;
- Atualização permanente de conhecimentos e de tomar decisões com a finalidade de criar, operar e modificar sistemas agropecuários e agroindustriais, preocupando-se com a sustentabilidade, dentro de princípios éticos;
- Eclético, com base teórica e experiência prática desenvolvida, visão ampla e holística dos fenômenos que afetam a agricultura e capacidade de realizar análise crítica;
- Apresentam criatividade e versatilidade, o que permite ao egresso o acompanhamento das tendências e inovações tecnológicas da sociedade moderna;
- Capacidade de gerar e aplicar conhecimentos científicos e técnicas agronômicas adequadas a uma agricultura racional e integrada apresentando formação humanística e crítico-valorativa dos impactos sociais, ambientais, econômicos e culturais decorrentes da atividade agropecuária;
- Apresenta formação científica e profissional geral que possibilitam a adoção e o desenvolvimento de tecnologias;
- Capacidade crítica e criativa na identificação e resolução de problemas, considerando os aspectos políticos, econômicos, sociais, ambientais e culturais, em atendimento às demandas da sociedade;
- Compreensão e tradução das necessidades de indivíduos, grupos sociais e comunidade, com relação aos problemas tecnológicos, socioeconômicos, gerenciais e organizativos, bem como utilização racional dos recursos disponíveis, além da conservação do equilíbrio do ambiente;
- Capacidade de adaptação, de modo flexível, crítico e criativo, às novas situações.

 

Mercado de Trabalho

As oportunidades do mercado de trabalho para os egressos do curso superior de Engenharia Agronômica do IFSULDEMINAS – Campus Muzambinho, estão nas áreas de construções e eletrificações rurais, irrigação, topografia, fitotecnia, solos, zootecnia, ecologia e recursos naturais renováveis, defesa sanitária vegetal, alimentos, parques e jardins, nutrição animal, extensão rural, transferência de tecnologia; gerenciamento de propriedades agrícolas; agronegócio e crédito rural, assessoria e planejamento para pequenas, médias e grandes empresas do complexo agropecuário, empresas ligadas à transformação e comercialização de produtos agropecuários, empresas relacionadas com a produção e venda de insumos agrícolas e em setores ligados às cadeias produtivas agrícolas, bancos, cooperativas, sindicatos, instituições agrícolas do setor federal, estadual, prefeituras e iniciativa privada.

 

Área de Atuação

Conforme previsto na Lei 5.194/66 cabe ao Engenheiro Agrônomo atuar nas diversas áreas do Ensino, Pesquisa e Extensão.

 

Outras informações

O curso tem diversos Grupos de Pesquisas, para permitir ao discente, vivência prática no âmbito da pesquisa em vários segmentos da Modalidade Agronomia. No mês de outubro é realizada a Semana das Ciências Agrárias, com diversas palestras e cursos de extensão.

registrado em:
Fim do conteúdo da página