Login



Boletim Climático - Julho
Qua, 16 de Agosto de 2017 08:00

Confira o boletim climático do mês de Julho de 2017 com informações de temperatura, umidade, precipitação e muito mais.

Neste boletim são apresentados e analisados dados climáticos mensais das médias históricas de 1974-1985 e 2006-2013 comparados com os valores aferidos nos anos de 2014, 2015, 2016 e 2017.

Temperatura Média

Na região do Sul de Minas Gerais no mês de julho foi aferida uma temperatura do ar média mensal de 14,9°C, sendo considerada a menor temperatura média de todo o ano. Essa temperatura média está dentro da normalidade, pois nas médias históricas de 1974 1985 e 2006-2013 foram observados valores médios de 15,7°C e 15,8°C, respectivamente.

Média mensal de temperatura de 2014 a julho de 2017 (ºC)

1


Precipitação

O índice pluviométrico que ocorreu na região no mês de julho foi 1,4 mm mês-1. Um índice semelhante foi observado no ano de 2016 (1,6 mm mês).

Precipitação pluviométrica mensal de 2014 a julho de 2017 (mm)

2


Acumulado de chuvas

A precipitação pluviométrica acumulada até julho de 2017 foi de 676, mm ano-1, valor considerado abaixo das médias históricas, uma vez que às precipitações pluviométricas ocorridas nas médias históricas de 1974-1985 e 2006-2013 foram de 903,8 e 857,5 mm ano-1.

Precipitação acumulada até julho - médias históricas (mm)

3


Evapotranspiração potencial

No mês de julho foi aferida uma evapotranspiração potencial de 30,2 mm mês-1. Ressalta-se que em Julho é normal que os cultivos tenham baixas taxas evapotranspirativas, devido às baixas temperaturas que ocorrem durante o inverno.

Evapotranspiração mensal registrada de 2014 a julho de 2017(mm)

4


Armazenamento de água no solo

O armazenamento de água no solo (ARM) diz respeito à quantidade de água disponível no sistema solo-planta-atmosfera para os cultivos agrícolas. Com o baixo índice de precipitação do mês o ARM chegou a 74,2% da sua capacidade de armazenamento de água.

Armazenamento de água no solo - médias históricas (%)

5


Balanço hídrico

No mês de julho é normal que os balanços hídricos apresentem-se com déficits hídricos, como observado nas médias históricas de 1974-1985 e 2006-2013. Em julho/2017 não foi diferente, uma vez que o balanço hídrico desmontou um déficit de -5 mm. Esse fato ocorre, devido o mês de julho ter apresentado precipitações abaixo da taxa evapotranspirativa. A presença de déficit afeta negativamente a transpiração, o crescimento e o desenvolvimento das culturas agrícolas.

6


Considerações finais

  • O baixo índice pluviométrico registrado em Julho/2017 promoveu uma redução no armazenamento de água do solo de 25,8% de toda sua capacidade de armazenamento.

Fonte: Boletim Climático de julho de 2017


Para visualizar o boletim climático completo, clique aqui.

Para conferir os outros boletins,clique aqui.

Confira também dados online da estação meteorológica,clique aqui.


Os boletins climáticos são preparados pelo Grupo de Pesquisa em Fruticultura e Agrometeorologia e a equipe responsável pela elaboração é composta pelo Mestrando em Produção Vegetal (Agrometeorologia) UNESP Jaboticabal, Lucas Eduardo de Oliveira Aparecido, e pelo Professor e Engenheiro Agrônomo do Campus Muzambinho, Paulo Sérgio de Souza.

 

 

Ankara Escort,cayyolu escort,

//